25 dez
2015

Provocadora de Milagres

“Certa mulher cananeia, daquela região, clamou: Senhor, Filho de Davi, tem misericórdia de mim! Minha filha está horrivelmente endemoninhada”.

(Mt.15:22)

Jesus, estando na Fenícia, fora do território judaico, se depara com uma mulher gentia, a qual mesmo sabendo que não poderia desfrutar das bênçãos e privilégios do povo escolhido de Deus e que era uma estrangeira peregrinando em busca de um milagre para a cura de sua filha, gritava: “Senhor, Filho de Davi, tem compaixão de mim!

E Jesus, para testar a fé daquela que lhe implorava por um milagre, humilhou-a dizendo: “não é bom tomar o pão dos filhos e lançá-lo aos cachorrinhos” (costume de chamar os gentios). Esta mulher conhecedora da sua condição indigna sem hesitar, reconhece-o como Messias e o único que poderia trazer cura e libertação a sua filha, confirma: “Sim Senhor, eu sou somente um dos cachorrinhos que comem as migalhas que caem debaixo da sua mesa, mas que implora pela tua misericórdia e cura de sua filha”. Por ser uma provocadora de milagres, Jesus diz: “ó mulher, grande é a tua fé”, assim libertou sua filha trazendo alegria, paz e felicidade para aquela família.

Se queremos alcançar o milagre de Deus precisamos agir para provocá-lo e exercitar a fé “Ora, a fé é a certeza das coisas que se esperam, e a convicção de fatos que se não  veem” (Hb.11:1).

Seja um provocador de milagres, pois atitudes como esta de fé e determinação fará Jesus agir em favor da tua vida. Que esta reflexão traga uma esperança de conquista para o seu milagre.

The following two tabs change content below.
Ailza Morais

Ailza Morais

Casada, mãe de 3 filhas (já maiores de idade e bem-criadas), sou conselheira de mulheres na igreja Assembleia de Deus Cristianismo sem Fronteiras, missionária e com formação em teologia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete + 17 =